7 Dicas Para Quem Está Começando no Desenvolvimento Web

Ao olhar para trás, quando estava começando no desenvolvimento web nesse mundo da programação, há algumas coisas que gostaria alguém tive-se me falado. E é por isso que o TipsCode está aqui para ser essa pessoa que vai dizer sempre as verdades. Hábitos que poderiam ter me ajudado a crescer mais rápido e de forma mais focada. Estas são as 7 dicas que eu ma daria no inicio da carreira, que acaba de conseguir seu primeiro emprego profissional em engenharia de software.

Então preste bem atenção nessas 7 dicas, elas podem de verdade ti leva para o próximo nível.

01 - Tenha um tempo para fazer leitura

Cada vez que dedicava um tempo para ler lenta e exaustivamente um livro recomendado sobre engenharia de software, eu subia de nível. Por ler corretamente, quero dizer fazer anotações, falar capítulos com outras pessoas, rabiscar diagramas, experimentar, voltar e reler.

Eu gostaria de ter lido livros relacionados a software em meus primeiros anos como desenvolvedor. Só comecei a fazer isso por volta do terceiro ano da minha carreira de programador. Livros código limpo e Javascript me ajudou a elevar meu nível. Não é sobre eu recomendar esses livros específicos - alguns deles já estão desatualizados agora. O que eu recomendo é procurar livros que vão mais fundo do que você conhece agora. Este poderia ser um livro sobre uma tecnologia específica ou sobre práticas de engenharia de software.

Quando leio, não faço isso rapidamente. Na verdade, faço isso bem devagar. Costumo ir um capítulo ou dois de uma vez. Eu faço anotações ou faço destaques. Quando termino, recapitulo e frequentemente discuto com outras pessoas. Também comecei a escrever no TipsCode com objetivo de ajudar e principalmente para refletir sobre o que aprendi. Adquiri esses hábitos nos últimos anos. Eles me ajudaram a crescer mais rápido como desenvolvedor.

Por que livros em blogs, vídeos ou conversas? Na verdade, eu diria livros ao lado deles. Formatos mais curtos tendem a deslizar pela superfície em comparação com um livro, para qualquer tópico. Os livros são um conhecimento profundo e bem organizado. Levo algumas horas para escrever um post como este. Penso nos livros como uma forma de consumo mais lento, porém mais profundo.

Não seja ambicioso: um livro a cada dois meses já é ótimo. Escolha um livro e reserve um tempo para lê-lo adequadamente . E depois de ler um ou dois livros.

Para quem está começando no desenvolvimento web recomendo muito livros.

Ebook HTML

Ebook HTML

02 - Aprenda bem uma linguagem

Eu iniciei meus estudos mais sério na faculdade e lá comecei com Java e vi algum coisa de JavaScript, logo comecei a fazer estágio e ai meus olhos viram pela primeira vez como o mundo da programação funciona na prática. No meu primeiro emprego de tempo integral, vi que somente o conteúdo da faculdade logo não era suficiente. E então fui começando no desenvolvimento web, logo me encantei por JavaScript.

Aprender profundamente uma linguagem que usei no trabalho foi uma das melhores decisões que tomei. No entanto, esse conhecimento tornou-se uma vantagem tanto no trabalho, como em outras oportunidades. Mais tarde em minha carreira, mergulhei intencionalmente mais profundo ainda em JavaScript.

Caso você goste de desenvolvimento web assim como eu lhe recomendo esse curso

Lhe recomendo aprender pelo menos duas linguagem de programação porém uma delas você precisa ir mais fundo. Quanto mais linguagens você souber, mais poderá avaliar seus pontos fortes e fracos.

03 - Faça parcerias com outros desenvolvedores

Sinto que o emparelhamento está fora de moda atualmente. Quando comecei, a Extreme Programming com emparelhamento contínuo, TDD e a programação mob eram coisas populares de se fazer. Alguns dos meus maiores saltos profissionais vieram depois de me juntar às pessoas. Esses saltos foram mais significativos do que a leitura de qualquer livro.

No inicio é um pouco chato sim, pois seu colega irá ver vários e vários erros no seu código, porém não leve isso para o lado pessoal pois essas sugestões vão lhe fazer cresce muito quando se está começando no desenvolvimento web.

04 - Faça testes

começando no desenvolvimento web

Teste - Começando no Desenvolvimento Web

Programadoras mais experientes costumam falar sobre a importância dos testes de unidade. Mas a coisa toda parece tão contra-intuitiva. Por que você gastaria mais tempo escrevendo testes de aparência trivial? Esta foi a minha abordagem de teste por algum tempo.

Para apreciar o valor do teste de unidade, você precisa ter aquele "aha!" momento, quando você escreveu aquele teste que salvou o dia. No entanto, para chegar lá, você precisa grunhir e escrever esses testes, executá-los em um IC. E muitas vezes você precisa fazer isso por meses, antes de ouvir aquele "aha!" momento.

Para mim, tive dois desses momentos. O primeiro foi quando construí o mecanismo de back-end, como um projeto paralelo, para um minúsculo cassino online. A API gerenciava dinheiro de verdade e eu morria de medo de cometer erros. Então, cobri todo o meu código com testes de unidade. O projeto estava atrasado - parcialmente os testes eram os culpados, pois levavam muito tempo. Mas parecia certo fazer assim. Entreguei o projeto ao cliente no final do contrato. Dois anos depois, eles me contaram como esses testes salvaram a equipe várias vezes, que estava prestes a enviar bugs na produção - se não fosse pela quebra dos testes.

recentemente escrevi um artigo sobre teste em React para ler clique aqui

05 - Faça sempre refatoração dos seus códigos

Quando se está começando no desenvolvimento web, fazer alterações e refatoração é normal e vou além 'muito saudável. Para meus próprios projetos pessoais, fiz refatorações massivas - mas nunca me senti confortável fazendo isso em bases de código que não possuía totalmente.

Porém teve um tempo que eu tinha um certo "medo" de refatorar, pois sentia falta da prática e das ferramentas para fazer isso bem. Quando comecei a tornar a refatoração um hábito semanal, fiquei melhor em ambos. Esse hábito me serviu bem mais tarde - só queria não ter demorado tantos anos para iniciá-lo.

06 - A experiência conta muito, tenha calma

Quando comecei, costumava ser intimidado por programadores mais experiente. Eles viram bugs no meu código que eu não. Eles sabiam respostas das quais eu não tinha ideia. Presumi que eles eram apenas mais inteligentes e melhores do que eu, e aceitei que as coisas são assim.

Procure oportunidades de trabalhar em diferentes camadas, diferentes domínios e projetos desafiadores. Vejo que algumas pessoas entrando em lugares de alto crescimento como o Uber chegam lá em três ou quatro. A diferença? Essas pessoas trabalham em projetos desafiadores, empurrando apenas para acompanhar os outros ao seu redor, e frequentemente mudam de equipe no meio do caminho, para começar de novo. Eles se voluntariam para trabalhar em novos projetos e experimentar novas tecnologias como os primeiros na equipe. Acabei me tornando essa pessoa - mas não nos meus primeiros anos.

07 - Compartilha o que você sabe

A melhor maneira de aprender algo é ensinando. Comecei a fazer isso acidentalmente. Em 2015, comecei a fazer apresentações em grupos de usuários na faculdade, a participar de grupos de programadores, chequei até a ser monitor de algumas disciplinas.

E hoje estou eu aqui com o projeto TipsCode onde tento compartilha o pouco que eu sei com você e tento descomplica o máximo o mundo da programação

Conclusão

Espero muito que esse artigo lhe ajudo, gostaria muito de ter lido um artigo como esse lá atrás no meu inicio, iria me acelera um pouco mais na minha carreira como programador.

Fica com Deus, forte abraço

Alisson Suassuna

Recomendado

Estudante TipsCode

Vagas abertas para o melhor curso de programção Fullstack do Brasil. Clique no botão abaixo para conhecer.